Pesquisa personalizada

segunda-feira, 23 de junho de 2008

Brasil - 40% das escolas não atingiram meta para a 8ª série

PORTO ALEGRE - Os avanços na educação básica do país, mostrados nos últimos dias com os números mais recentes do Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (Ideb), ainda deixam para trás boa parte do alunos dos anos finais do ensino fundamental. Na 8ª série, quase 40% das escolas não conseguiram atingir a meta estabelecida em 2006 pelo Ministério da Educação e um quarto dos municípios pioraram a sua situação quando se compara o Ideb de 2007 e 2005. Entre os cem que estão em pior situação este ano, 58 caíram em relação ao primeiro Ideb.

Os números divulgados pelo MEC mostram que o avanço ainda se concentra nas séries iniciais. É na 4ª série que os resultados dos municípios e das escolas são melhores. Hoje, há 739 escolas brasileiras dessa série com Ideb 6 – considerado um nível compatível com escolas de países desenvolvidos – , mais do que com Ideb ruim. São apenas 542 com Ideb abaixo de 2. Na 8ª, a situação é inversa: apenas 43 escolas – a maioria delas da rede federal de ensino – têm média 6 ou superior. Na ponta de baixo da tabela, com Idebs abaixo de 2, concentram-se 1.042 – ou 7,3% de todas as que participaram do Ideb de 2007.

As próprias notas dos municípios revela que a 8ª ainda precisa melhorar muito. Apenas 88 cidades conseguiram fazer médias acima de 5, considerada boa pelo MEC. Apenas 2 – Imigrante e Três Arroios (RS) – alcançaram média 6. (AE)

Nenhum comentário:

Postar um comentário

cultura_R